Topo

Gaúcho - 2019


Odair reconhece que "não é normal" empate do Inter: "Vamos corrigir"

Odair Hellmann não aceita a falta de vitórias do Inter e prega trabalho para correção - Ricardo Duarte/Inter
Odair Hellmann não aceita a falta de vitórias do Inter e prega trabalho para correção Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Do UOL, em Porto Alegre

30/01/2019 22h17

Odair Hellmann reconheceu que a sequência de três jogos sem vitória do Inter no Campeonato Gaúcho não pode ser encarada como normal. Nesta quarta-feira (30), o Colorado empatou em 1 a 1 com o Veranópolis e o treinador prega correções e muito trabalho para reverter o quadro negativo. 

"Não temos que aceitar duas derrotas e um empate. Não é a normalidade do Inter, não é a nossa, não foi ano passado e não será neste ano. Aconteceu. E a partir disso vamos corrigir cada vez mais o que tem que ser corrigido. Tomamos gols de bola parada nos últimos jogos, hoje melhoramos. Agora vamos buscar os demais aspectos para encontrar as soluções dentro do jogo para conseguir o resultado, que gera confiança, crescimento, algo que deixa melhor para todo mundo. Estamos fazendo algumas mudanças em relação ao ano passado, por perda de jogadores, veio outros, com outras características, e vamos trabalhar cada vez mais para corrigir", disse. 

No jogo da quarta rodada do Gauchão, o Colorado pressionou bastante. Com um a mais por aproximadamente 40 minutos, o time de Porto Alegre marcou com Nico López e logo em seguida teve um pênalti e seu favor. Rafael Sobis, porém, perdeu. E logo em seguida veio o empate em um contra-ataque. 

"Você está dominando o jogo e acaba sofrendo um contra-ataque em uma condição de superioridade numérica, é algo que temos que corrigir", disse. "Vamos aproveitar para fazer algumas observações. Seguiremos, dentro da sequência, fazendo os jogos, com algumas mudanças em termos táticos. Sabemos que precisamos evoluir, os resultados não vieram e não encaramos com naturalidade. Sabemos que temos que melhorar e vamos melhorar. Mesmo que tivéssemos ganho, sabemos que temos que evoluir. E vamos trabalhar para isso", finalizou. 

O Inter volta a campo na segunda-feira para encarar o Brasil de Pelotas, no Beira-Rio.