Topo

Paulista - 2019


Felipão explica Dudu titular em todos os jogos e evita falar de B. Henrique

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em São Paulo

31/01/2019 00h01

O técnico Luiz Felipe Scolari explicou depois da vitória do Palmeiras por 1 a 0, nesta quarta-feira (30), na Arena Barueri, o motivo de o atacante Dudu ter sido o único jogador titular em todos os jogos do Campeonato Paulista até agora. Segundo o treinador, o camisa 7 é o "ponto de equilíbrio" para que o time não perca a identidade com as novidades do setor ofensivo para 2019.

"Eu tenho feito rodízio com os outros. E por uma razão especial, que ele sabe qual é, tenho colocado o Dudu 45, 50 minutos, para que no jogo do próximo sábado (contra o Corinthians) ele tenha condições de jogar. O Dudu dá o equilíbrio a muitos jogadores que estão começando no time: Felipe Pires, Veiga, Carlos Eduardo... E o Dudu é o ponto de equilíbrio. Ele tem que jogar pelo menos 45 minutos para que esse equilíbrio seja conseguido. E ele sabe disso. Agora, para o jogo do Corinthians é uma outra história", disse.

Felipão também evitou falar sobre a situação de Bruno Henrique, alvo do Tianjin Teda. O time chinês está disposto a pagar a multa rescisória de 6 milhões de euros, e os empresários do volante já comunicaram essa intenção ao Palmeiras. O clube alviverde, por sua vez, tenta convencer seu capitão a ficar.

"Eu não posso falar nada. Quem pode falar é (o diretor de futebol) Alexandre Mattos", disse Felipão. Pouco depois, sem citar o caso de Bruno Henrique, o técnico falou sobre a limitação de registrar apenas 26 atletas na lista principal do Campeonato Paulista, citou a possibilidade de perder um jogador por negociação e disse que gostaria de ter dado uma chance ao volante Matheus Fernandes, recém-chegado do Botafogo, entre os inscritos.

"Se eu tivesse os 30, eu daria mais oportunidades e observação a esses jogadores que não vou ter nem a oportunidade de usar no Campeonato Paulista. São 26 inscrições só. E pergunto a vocês: a Federação não pensou que jogadores podem ser comprados por outras equipes? Não só os meus. Os do Santos, os do Corinthians, os do Oeste. E aí? Se forem comprados, perdemos essa vaga. Se tivéssemos 30, vendendo um, dois, não seria problema", afirmou.

O treinador alviverde também não quis falar sobre o dérbi com o Corinthians no próximo sábado. "O bom foi ganhar do Oeste. O clássico é sábado. Estou aqui para falar que ganhamos do Oeste. Não tenho que pensar no clássico aqui e agora. Ótimo jogo contra o Oeste. Muito bom", concluiu.

Mauro Beting comenta vitória do Palmeiras: "Mais ganhando que jogando bem"

UOL Esporte

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor