Topo

Futebol


Klopp defende Salah de críticas: "Não precisamos de sangue por uma falta"

Klopp defendeu Salah de críticas - Paul Chids/Action Images via Reuters
Klopp defendeu Salah de críticas Imagem: Paul Chids/Action Images via Reuters

Do UOL, em São Paulo

30/01/2019 08h26

O técnico Jurgen Klopp mostrou irritação com as críticas recebidas pelo atacante Mohamed Salah, acusado por tentar "cavar" pênaltis em partidas recentes do Liverpool. O treinador disse que, no futebol, não é preciso tirar sangue do adversário para uma falta ser marcada e acha desnecessário conversar sobre o assunto com o egípcio.

"Todas as penalidades contra ele (Salah) foram pênaltis, mas as pessoas lidam com isso como se fosse um meio mergulho - não foi. Nós não precisamos de sangue por falta no futebol. Isso é tudo que vou dizer sobre isso. Não, eu não falei com ele sobre isso", disse.

Leia também

As críticas a Salah se intensificaram depois de o egípcio cair na área na vitória por 4 a 3 do Liverpool sobre o Crystal Palace. O árbitro mandou seguir o jogo, mas o lance reativou a discussão sobre a possibilidade de Salah estar exagerando na tentativa de cavar pênaltis. Ele sofreu penalidades em partidas recentes contra Newcastle United e Arsenal.

Klopp aproveitou a situação para citar Jamie Vardy, atacante do Leicester que o Liverpool enfrentará nesta quarta-feira, a partir das 18h (de Brasília). O jogador também foi acusado de cavar pênalti em uma partida contra o Southampton. 

"Alguém conversou com Jamie Vardy quando, esqueci o adversário (Southampton), todo mundo viu. Você lembra da situação? Ele pulou. Jamie é uma pessoa ruim por causa disso? Eu não digo agora que ele é um mergulhador. Essa é outra situação", disse.

O Liverpool entra em campo nesta quarta-feira com a possibilidade de abrir até sete pontos de vantagem na liderança do Campeonato Inglês. Na última terça-feira, o Manchester City perdeu por 2 a 1 para o Newcastle.
 

Futebol