Topo

Futebol


Cruzeiro vende goleiro Gabriel Brazão para o Parma por R$ 10 milhões

Aos 18 anos, goleiro coleciona passagens pelas categorias de base da seleção brasileira - Dibyangshu Sarkar/AFP
Aos 18 anos, goleiro coleciona passagens pelas categorias de base da seleção brasileira Imagem: Dibyangshu Sarkar/AFP

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

31/01/2019 20h19

Quarto goleiro do Cruzeiro e integrante do plantel sub-20 da Seleção Brasileira, Gabriel Brazão foi vendido para o Parma, da Itália. Nesta quinta-feira, último dia da janela de transferências para a maioria dos países da Europa, o clube mineiro sacramentou o negócio. Pela venda de 80% dos direitos econômicos do atleta, a Raposa levará 2,5 milhões de euros (cerca de R$ 10 milhões).

Atualmente, Brazão está no Chile disputando o Campeonato Sul-Americano sub-20 com a seleção brasileira. Desde o final do ano passado, a imprensa italiana noticiou o interesse da Inter de Milão pelo jogador. Porém, a equipe excedeu o limite de jogadores extracomunitários, saindo do negócio. O Chievo também era outro interessado no jogador de 18 anos.

No início de janeiro, a diretoria celeste não citou nomes, mas revelou ter recebido uma proposta oficial e iniciado as conversas para vender o jogador. Além dos 2,5 milhões de euros, o Cruzeiro ainda irá lucrar se Brazão entrar em campo por mais de 20 vezes na Itália. Se isso acontecer, a Raposa ainda levará mais 1 milhão de euros (R$ 4,1 milhão).

Brazão é uma das joias da escola de goleiros do Cruzeiro. Ao lado de Vitor Eudes, Rafael e Fábio, ele integra o elenco principal da Raposa. Apesar de nunca ter atuado um jogo sequer como profissional, ele já foi sondado por equipes de fora e, recentemente, também entrou na lista de Tite para ter uma experiência durante os amistosos com a seleção brasileira.

André Rocha comenta Cruzeiro x Atlético: "Ninguém merecia sair feliz do Mineirão"

UOL Esporte

Futebol