Topo

Futebol


São Paulo e Ponte têm dinheiro a receber por jovem comprado pelo Barça

Bruno Cantini/Atlético
Lateral-direito começou a carreira pelo Tricolor e passou pela Macaca Imagem: Bruno Cantini/Atlético

Bruno Grossi e Thiago Fernandes

Do UOL, em São Paulo e Belo Horizonte

2019-01-31T17:52:14

31/01/2019 17h52

A venda de Emerson para o Barcelona por 12 milhões de euros (cerca de R$ 50 milhões), anunciada nesta quinta-feira, não renderá dinheiro apenas para o Atlético-MG. O São Paulo e a Ponte Preta também receberão pela negociação do lateral-direito de 20 anos, graças ao mecanismo de solidariedade da Fifa. 

LEIA MAIS:
- Ajax observa meia do São Paulo na seleção sub-20
- PSG negocia contratação do volante Thiago Mendes
- Galo se reúne para discutir a volta de Diego Tardelli

Emerson foi captado pelos olheiros do Tricolor Paulista aos dez anos. Aos 12, a Fifa já começa a computar as temporadas no cálculo de recompensa aos clubes formadores.

O garoto saiu de Cotia aos 15, ou seja, contou quatro temporadas para os são-paulinos, totalizando 1% de qualquer negociação futura. Isso significa que deverão ser repassados R$ 500 mil ao time do Morumbi pela transação para o Barça.

Na Ponte, o lateral permaneceu até os 19 anos, também chegando a quatro temporadas nas contas da Fifa, mas com uma porcentagem ainda maior: 2%. Assim, a Macaca deve receber R$ 1 milhão.

Além disso, o Atlético-MG acertou mais uma porcentagem de repasse para os campineiros quando contratou Emerson no ano passado. Esse valor ainda está sendo discutido pelos dois clubes.

Relembre gol de Emerson pelo Atlético contra o Sport

Gols UOL Esporte

Mais Futebol