Topo

Felipão ganha força após gol de xodó e 1ª vitória do Palmeiras em clássicos

Siga o UOL Esporte no

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo

18/03/2019 04h00

A vitória por 1 a 0 sobre o São Paulo no último sábado ajudou a dar mais força para Luiz Felipe Scolari no comando do Palmeiras. Isso porque dois dos pontos que geravam mais reclamação no trabalho do técnico acabaram corrigidos: o primeiro triunfo em clássicos na temporada e também o primeiro gol de Carlos Eduardo com a camisa do Verdão.

Felipão havia perdido para o Corinthians por 1 a 0 e empatado sem gols com o Santos nos dois clássicos anteriores de 2019, ambos no Allianz Parque. Resultados que causaram incômodo na torcida principalmente pela falta de criatividade para vencer a marcação dos adversários e pelos gols perdidos. Diante dos corintianos, um dos vilões foi justamente Carlos Eduardo, herói contra o São Paulo.

A insistência no atacante também fazia Felipão ser criticado. Os torcedores desejavam ver mais chances para Zé Rafael, que gerou muita expectativa desde que foi contratado no ano passado, e Carlos Eduardo ainda não tinha nenhuma grande atuação para justificar a confiança do treinador. A resposta veio com dribles que desmontaram a defesa do São Paulo e com o golaço que definiu o clássico no Pacaembu.

Questionamentos sobre o desempenho do time e sobre a insistência em nomes como Carlos Eduardo ou Felipe Pires têm arrancado declarações e reações atravessadas de Felipão nas entrevistas coletivas. O técnico vê exagero nas críticas, principalmente pelos resultados apresentados pelo Palmeiras: em 13 jogos no ano, o time perdeu apenas uma vez, empatou quatro e ganhou oito.

Há também uma cobrança pelo uso de garotos da base. Na rodada final da fase de grupos do Campeonato Paulista, Felipão poderia ter a chance de escalar o zagueiro Vitão, já que Luan está lesionado, Antonio Carlos está suspenso e Gómez defenderá a seleção paraguaia. O problema é que o jovem tem problema físico e não deve se recuperar a tempo do jogo de quarta-feira, às 21h30, no Allianz Parque. Com apenas Edu Dracena à disposição para enfrentar a Ponte Preta, o volante Thiago Santos deve ser improvisado no setor.

Palmeiras