Topo

Brasileirão - 2019


São Paulo vence Goiás e mantém 100% de aproveitamento no Brasileirão

Do UOL, em São Paulo

01/05/2019 23h31

O São Paulo não se importou com o fato de jogar fora de casa e manteve os 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro. Hoje, no Serra Dourada, em Goiânia, o Tricolor paulista derrotou o Goiás por 2 a 1. Os gols foram marcados ainda no primeiro tempo: Alexandre Pato e Toró fizeram para os visitantes, e Leandro Barcia descontou para os goianos.

O resultado faz o São Paulo dormir na liderança do nacional, com seis pontos - ao lado do Atlético-MG, que venceu o Vasco. O Goiás se mantém com três pontos, na 11ª posição.

Na próxima rodada do nacional, o São Paulo enfrenta o Flamengo, neste domingo, no Morumbi. Já os goianos vão jogar contra o Cruzeiro, no mesmo dia, no Mineirão, em Belo Horizonte.

Desfalques e mudança

O técnico Cuca não pôde contar com algumas peças importantes em sua equipe. Liziero (estiramento no músculo posterior da coxa esquerda), Luan (estiramento na coxa esquerda), Pablo (cirurgia na região lombar) e Rojas (cirurgia no joelho direito) foram vetados pelo departamento médico. Gonzalo Carneiro, suspenso preventivamente por doping, completa a lista de baixas. Mesmo assim, a única mudança em relação ao time que derrotou o Botafogo por 2 a 0 foi a entrada de Toró no lugar de Igor Gomes.

Estreia

Artilheiro da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2018 com seis gols, Toró fez a sua primeira partida como titular da equipe profissional do São Paulo e não decepcionou. Aos 19 anos, ele disputou o Sul-Americano Sub-20 em janeiro pela seleção brasileira antes de ser integrado ao time principal do clube. Na abertura do nacional, contra o Botafogo, o atacante fez sua estreia.

Equilíbrio

As equipes alternaram bons momentos durante o início do confronto. O São Paulo caprichava no passe de bola e chegava bem ao ataque, geralmente com Pato ou Toró. Já o Goiás aproveitava a velocidade de Michael, mas faltava um pouco mais de qualidade aos donos da casa na hora do arremate.

Pato abre o placar

O Tricolor saiu à frente no placar depois de uma boa jogada pela direita. Antony tocou para Igor Vinicius, que levantou a cabeça e viu Pato na área. O lateral deu o passe para o meio, e o camisa 7 mandou para o fundo das redes.

Toró amplia

Logo em sua estreia como titular no profissional, Toró mostrou que tem potencial para brigar por uma posição na equipe. Para coroar a boa atuação, ele marcou o segundo gol tricolor. Após receber passe de Antony, o atacante deu um belo chute colocado no canto esquerdo do goleiro Tadeu.

Gol do Goiás com VAR e fumaça

Os donos da casa conseguiram diminuir no fim do primeiro tempo. Após cruzamento e rebote de Tiago Volpi, Leandro Barcia fez o gol, e até fumaça colorida no fundo do campo o clube soltou. A festa, porém, teve uma interrupção. O árbitro Rafael Traci aguardou a análise do VAR para validar o lance. Quando confirmado, mais fumaça verde foi vista no Serra Dourada.

Alterações no Goiás e reclamação de pênalti

Claudinei Oliveira mexeu na equipe para tentar dar mais força ao ataque. Daniel Guedes entrou no lugar de Kevin. Ainda no início do segundo tempo, os goianos tentaram buscar o gol e, após jogada com Jefferson, reclamaram de pênalti de Toró. O árbitro não marcou a infração.

Ritmo mais lento e entrada de Hernanes

No segundo tempo, os times diminuíram a velocidade. O Goiás até tentou chegar ao ataque, mas não levava perigo. Já o São Paulo apostava mais nos contragolpes. Para tentar acelerar o ritmo, Cuca promoveu a entrada de Hernanes no lugar de Pato, que disputou a sua segunda partida neste retorno ao Tricolor.

VAR e expulsão

No fim da partida, ainda teve polêmica com o VAR. Após carrinho de Igor Vinícius, o árbitro marcou falta e expulsou o são-paulino. No entanto, a partida ainda ficou paralisada para que o lance fosse analisado e validado.

O melhor: Pato

Apesar de ainda não estar com muito ritmo, o atacante teve competência para fazer a diferença. Fez jogadas de efeito e ainda marcou o seu.

O pior: Reinaldo

Com dificuldade para marcar, nervoso e sem apoiar, o lateral esquerdo teve um desempenho abaixo do esperado.

FICHA TÉCNICA
GOIÁS 1 X 2 SÃO PAULO

Data: 1º de maio de 2019
Local: Serra Dourada, em Goiânia.
Árbitro: Rafael Traci (SC)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil (SC) e Ivan Carlos Bohn (PR)
Árbitro de vídeo: Braulio da Silva Machado (SC)
Cartões amarelos: Kayke, Leandro Barcia (Goiás); Reinaldo (São Paulo)
Cartão vermelho: Igor Vinícius (São Paulo)
Gols: Alexandre Pato aos 31 do 1º tempo; Toró aos 35 do 1º; Leandro Barcia aos 48 do 1º
Público e renda: 27.715 pagantes e R$ 728.730,00

Goiás:Tadeu; Kevin (Daniel Guedes), David Duarte, Yago e Jefferson (Marcelo Hermes); Geovane, Léo Sena e Giovanni Augusto (Júnior Brandão); Michael, Kayke e Leandro Barcia. Técnico: Claudinei Oliveira.

São Paulo: Tiago Volpi; Igor Vinícius, Arboleda (Anderson Martins), Bruno Alves e Reinaldo; Hudson, Tchê Tchê e Antony; Alexandre Pato (Hernanes), Toró (Brenner) e Everton. Técnico: Cuca.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que foi publicado, Igor Vinicius deu assistência para o gol de Pato. O erro foi corrigido.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.