Topo

Esporte


Estrelas de PSG e Real perdem valor de mercado em temporada melancólica

Gabriel Bouys/AFP
Marcelo é um dos jogadores que vão terminar a temporada desvalorizado Imagem: Gabriel Bouys/AFP

Do UOL, em São Paulo

2019-05-02T04:00:00

02/05/2019 04h00

PSG e Real Madrid ainda têm jogos a realizar nos campeonatos nacionais, mas o clima já é de fim de temporada. Sem objetivos nas partidas finais, os clubes conhecidos por seu poderio econômico cumprem tabela já fazendo balanço de uma temporada em que, embora tenha rendido títulos, ficaram muito aquém das expectativas.

Além de um fim de temporada melancólico, dois dos elencos mais estrelados da Europa viram a desvalorização de jogadores-chaves. O Real Madrid deve passar por uma grande reformulação de elenco, enquanto o PSG deve agregar mais contratações e fazer alterações pontuais em busca novamente do maior objetivo, que é a Liga dos Campeões.

Atual tricampeão europeu, o Real fechará a temporada com a conquista do Mundial de Clubes, mas com uma campanha irregular no Campeonato Espanhol e eliminações precoces na Copa do Rei e Champions. Reflexo desta instabilidade está na perda de valor de mercado de jogadores como Gareth Bale e Marcelo.

JAVIER SORIANO / AFP
Desvalorizado, Bale deve deixar Real ao fim da temporada Imagem: JAVIER SORIANO / AFP

Segundo o site especializado "Transfermarkt", Bale encerrou a última temporada com o valor de mercado estimado em 90 milhões de euros. Na última avaliação, no dia 28 de fevereiro deste ano, a estimativa já era de 70 milhões de euros (cerca de R$ 310 milhões).

Na mesma linha descendente está Marcelo, que ficou no banco de reservas durante grande parte da temporada. Neste mesmo período, o valor de mercado do lateral caiu pela metade, passando de 70 para 35 milhões de euros (cerca de R$ 155 milhões).

Isco (de 75 para 60 milhões de euros), Marco Asensio (de 90 para 80 milhões de euros) e Sergio Ramos (de 45 para 30 milhões de euros) são outros três jogadores com queda acentuada no valor de mercado ao longo da temporada. A estimativa do "Transfermarkt" será atualizado ao fim de maio e a tendência é de que mais "medalhões" madrilenos apareçam com números inferiores.

O Real Madrid tem mais três partidas no Campeonato Espanhol. O terceiro lugar na tabela já é quase certo, com uma chance remota de superar o Atlético de Madri, nove pontos na frente, na briga pelo vice-campeonato. Assim, os jogos finais serão "amistosos de luxo" para observação do técnico Zinedine Zidane.

Nem título francês tira gosto amargo do PSG

Patrick Hertzog/AFP
Rabiot também deve deixar o PSG Imagem: Patrick Hertzog/AFP
O PSG tem convivido com uma máxima que o pressiona a cada temporada: ganhar os campeonatos nacionais, pela diferença de investimentos, é obrigação. Desafio, mesmo, é triunfar na Liga dos Campeões. Assim, os quatro jogos finais no Campeonato Francês terão gosto amargo, mesmo com o título garantido. O time parisiense fracassou não só na Liga dos Campeões, mas também na Copa da França e na Copa da Liga Francesa.

Neste cenário, chama a atenção a perda de valor de mercado de três jogadores segundo os dados do "Transfermkt". O principal deles é o meio-campista Adrien Rabiot, que valia no começo da temporada 50 milhões de euros e, na estimativa do dia 7 de março de 2019, 35 milhões de euros (cerca de R$ 220 milhões). Neste período, o francês foi afastado pelo técnico Thomas Tuchel, quase não jogou e deve deixar o PSG ao final de seu contrato em junho.

Já o atacante Edinson Cavani teve queda de 60 para 50 milhões de euros (cerca de R$ 220 milhões) neste período, enquanto o lateral brasileiro Daniel Alves viu a estimativa cair e 4 para 3 milhões de euros (cerca de R$ 13 milhões).

As duas principais estrelas do time, Neymar e Mbappé, tiveram a última atualização no índice publicado pelo site "Transfermarkt" no fim de 2018. Neste segundo semestre, porém, ambos passaram por problemas extracampo que podem impactar no valor de mercado que será publicado no final de maio.

Mais Esporte